Dando o ar da graça
Olá pessoas, desculpe por não postar constantemente aqui, porém com o tempo a gente vai ficando sem assunto.

 Dia 5 completei 5 meses de operada, e nesse último mês emagreci apenas 1 kilo, acho que isso se deve ao fato de eu ter extrapolado muito. Enfim, andei pensando e avaliando tudo isso e comecei a me controlar denovo, tem dias que saio da linha mas no geral estou indo bem, porém mesmo assim parei de emagrecer, acho que estou no platô. Mas decidi que não vou esquentar a cabeça com isso.

  Dia 28/09 eu participei da caminhada integração aqui em Campinas e foi eu e a equipe que me operou e também os operados, nossa foi muito legal. Ano que vem espero participar denovo, e quem sabe eu não corro também.... hehehe

  Mas do mais minha vida anda legal, na facul está tudo muito corrido, trabalho em  cima de trabalho, mas estou amando muito tudo isso, Graças a Deus eu consegui realizar esse meu sonho.

 

 Oi pessoal ando sumida eu sei. Hoje passei com o médico, nossa estou emagrecendo muito pouco mesmo. Mas também estou comendo o que não devo, preciso tomar vergonha na cara.

 Bom ando sem novidades, só passei pra deixar um olá...bjs

sim eu estou viva ^^
OI pessoas quanto tempo né?

 Estou viva, minha vida está bem corrida o lema agora é estudar e estudar, mas estou gostando bastante. A primeira semana foi difícil pra me adaptar mas acho que agora estou assimilando mais.

 Sobre o emagrecimento não me pesei mais, vou pesar dia 05 quando completo 4 meses, essse mês senti que emagreci pouquissímo, mas desencanei disso, até por que duas semanas atrás peguei minha segunda gripe em um mês e até delirar de febre eu delirei, e olha que eu sou rara pra ter febre. Também estava sentindo muita fraqueza, tamanha fraqueza que mal conseguia me aguentar de pé, aí passei a comer mais carboidratos, mas acho que relaxei um pouco e estou comendo mais besteiras do que deveria, mas  prometo que vou entrar na linha.

  Depois que comecei a estudar mudei um pouco o foco da minha vida e agora me sinto uma pessoa normal, nem parece que operei. A diferença é que não me sinto um butijão de gás no meio das pessoas.

 Bom fico por aqui tenham um ótimo domingo e até mais ver....beijos

Mais um sonho se realizando.

 E eu me lamoriando aqui essa semana e esquecendo que Deus nunca me deixa na mão, que Ele sempre me ampara quando preciso. Estava triste porque uma coisa tinha dado errado e eis que na quinta recebo um telefonema que mudou minha vida, era do PROUNI informando que eu tinha sido selecionada pra bolsa, nossa na mesma hora já fui na faculdade entregar os documentos, aí faltaram alguns e eu levei ontem, aí hoje liguei lá e o secretário me disse pra ir lá segunda fazer a matrícula e começo segunda mesmo, porque meu curso já começou a uma semana.

 Nem acredito que em 3 meses, meus 2 maiores sonhos se realizaram, só tenho a agradecer muito a Deus por tudo. Bom agora não sei quando poderei vim aqui atualizar, ´preciso me adaptar a nova rotina.

 Mas estou muito feliz, como eu tinha dito eu tenho minhas metas e vou realizá-las, e mais uma eu conquistei.

 Beijos e bom fim de semana.....Eu quero que chegue logo segunda

3 meses!

Nossa hoje completo 3 meses de cirurgia, parece que o tempo está voando. E mais uma vez venho aqui refletir sobre mais um mês. Hoje estou me sentindo esquisita, me questionando se valeu a pena mesmo operar, nesses dias tenho me sentindo fraca, muito fraca. Ontem meu dente quebrou, nunca imaginei essa situação, o dente estava mole mole, estou um pouco apreensiva. O cabelo também está começando a cair. E aí fico me perguntando se vale a pena. Eu sabia de todas essas informações, mas imaginava que se eu fizesse tudo certinho essas coisas não iriam me acontecer. Mas sei também que existe mesmo essa crise dos 3 meses, e todo mundo supera e eu também vou superar.

Em contrapartida, como meu amigo Tiago pediu nos comentários, tenho me divertido muito, antes eu nunca saia de casa e achava que isso não era pra mim, mas agora qualquer coisinha como passar o domingo com um amigo operado fica a coisa mais divertida e proveitosa. Também estou adorando ir pras baladinhas, é muito bom dançar, me sinto livre. Como eu disse, depois da cirurgia a melhor coisa que me aconteceu foi iniciar uma vida social.

Mas nem tudo são flores, e estou com problemas dos quais me faz me sentir muito triste e fracassada, mas sei que Deus vai me mostrar um caminho, eu tenho minhas metas traçadas e vou consegui-las, talvez não tenha conseguido agora, mas nada e nem ninguém me fará desistir.

E assim é a vida um dia a gente está por baixo e no outro no topo, mas o importante é seguir em frente, eu batalhei muito e vou conseguir tudo o que quero, com dignidade.

Fico por aqui, beijos

 

 

 

O 1° dumping a gente nunca esquece

 Eita que depois de quase 3 meses de operada, o tal dumping me deu as caras, e confesso é ruim demais. Comi uma barrinha de ceral no meu serviço e não era light, mas faz tempo que como ela, de vez em quando. Depois de uns 20 minutos, comecei a sentir calor, uma tremedeira, sonolência e taquicárdia, nossa fiquei com essa sensação por mais de uma hora e o pior que estava trabalhando, fiquei lá sentada passando mal.

 Semana passada fui na nutricionista e ela disse que estou emagrecendo bem , aliás ela quer que eu emagreça mais devagar, e pediu pra eu não caminhar, mas eu sou teimosa e caminho sim, até porque não quero ficar mais flácida ainda.

 Bom hoje estou sem assunto, fico por aqui...beijos

E.T

  Então desde que voltei a trabalhar, todo dia no mínimo 3 pessoas perguntam o que fiz pra emagrecer, eu claro digo: fiz cirurgia. E nessa hora me sinto um ET, porque ás pessoas começam a perguntar se tive coragem, se estou bem, se passo mal, etc.

  Não sei porquê as pessoas acham que quem faz a cirurgia, tem obrigação de passar mal, porque elas se espantam mais quando digo que estou normal, do que quando falo que fiz a redução. Pra mim está sendo tão normal, que ás vezs nem eu acredito que operei, como de tudo e estou vivendo normalmente, mas é engraçado, porque agora como pouco, mas muitas vezes parece que comi um boi.

  Minha calça que ganhei de aniversário mês passado, não está dando mais pra usar nem com cinto, vou ter que mandar apertar.

  Vendo minha vida de dois meses pra cá, vejo o quanto estou mudando, não que após a redução tudo melhora e os meus problemas se resolveram, mas me senti mais motivada a lutar pelas minhas metas, e como agora estou recuperada, é hora de ir atrás da minhas próximas metas, metas essas que deixei de lado pra me preparar pra redução, porque a saúde está em primeiro lugar, mas agora já estou bem e quase adaptada e é era hora de ir pra luta.

  Sobre as motivações, eu tive todo o apoio da minha família, mas financeiramente eu banquei tudo, até porque sou de uma família simples. Pra fazer essa cirurgia eu comecei a pagar convênio médico e com isso fui correndo atrás de tudo, quando o convênio não queria autorizar porque eu não tinha comprovado que fazia 2 anos de tratamendo de obesidade, a velha Adriane normalmente iria desistir, mas não, fui lá no posto de saúde falei com a coordenadora e consegui uma cartinha alegando que fazia tratamento lá.

  No fim do ano comecei a juntar dinheiro, guardei o 13°, e todo mês guardava dinheiro, me planejei toda, não comprei roupas, só quando não tinha jeito mesmo. Deixei de sair, não fui viajar como faço todo ano, e pedi férias pra data da cirurgia. E me dá tanto orgulho de mim, saber que fui capaz, e me dá tanta gana de saber que posso ir mais além.

  Vi pessoas fazendo campanha pra uma moça operar, não critico, mas pelo que vi da história a moça não se ajudava muito, assim como muitas pessoas quiseram me ajudar e eu não dei importância, mas um dia eu abri meus olhos e percebi que minha vida estava errada. E foi somente no dia que tive consciência que eu não era uma coitada, e que Eu tinha que lutar por mim, foi nesse dia que minha vida começou a tomar novos rumos. Porque somente no dia que consegui me olhar no espelho e dizer Eu me amo, que comecei a lutar por minha vida. Não adianta ninguém querer nos ajudar se nós próprios não queremos. Temos que encarar de frente os problemas, os obstáculos sempre estarão na nossa frente, mas temos que aprender a lidar com eles.

  E eu estou aprendendo, ás vezes caio, mas me levanto e sigo em frente. Temos que tentar pra saber se vai dar certo. Hoje qaundo me olho no espelho sinto um orgulho enorme de mim. Porque estou colhendo os resultados de toda a dedicação que tive comigo mesma. Porque temos que nos amar pra conseguir amar o próximo, temos que nos respeitar, para poder respeitar os outros.

  E é isso só queria dividir com vocês as minhas conquistas, porque sei que muitos de vocês também passam por essas dificuldades, e foi preciso eu chegar ao fundo do poço, com a diabetes nas alturas em plenos 20 anos de idade pra começar a tratar da saúde, operei com quase 23, e durante esses anos eu amadureci muito. Parei de me sentir a rejeitada e passei a lutar para ser aceita na sociedade. Parei de sentir raiva do mundo e procurei tentar entende-lo. E hoje posso dizer que estou me realizando, claro que nunca nos sentiremos 100% realizados, mas sempre vamos continuar atrás de novos desafios e novas conquistas.

  Fico por aqui, beijos.

Enfim casa dos 80...

 

 

    Nossa nem acredito nisso, finalmente a balança apontou na casa dos 80, nossa nem me lembro quando tive esse peso, deve ter sido por volta de 10 atrás. Acho que estava num platozinho sim, mas agora parece que as coisas estão andando denovo, consegui emagrecer os 4 kilos desejados pela nutricionista e mais 2 nesse mês.

   Tem um blog que a menina disse que é estranho caber no mundo pela primeira vez, e realmente é verdade, quando passo nas lojas e vejo uma roupa eu sempre procuro o tamanho maior, parece que a cabeça ainda naum assimilou, eu olho as roupas pequenas e pra mim parece impossivel que irei usá-las, eu ainda não consigo me ver magra, pra mim ainda estou a mesma coisa, claro que sei que estou emagrecendo, mas sei lá não sinto que estou mudando, mas sei que estou porque as pessoas ficam abismadas quando me vêem. Teve uma vizinha que disse que fiquei feia que emagreci muito, aff que ignorante, prefiro estar feia do que continuar gorda, embora todos digam que estou melhor e eu também sei que estou muito melhor agora, me sinto mais bonita quando me olho no espelho. E sobre comprar roupas ontem tive que comprar blusa pra trabalhar, porque calça até dá pra apertar mas blusa é mais complicado, e qual não foi minha surpresa quando a blusa que me serviu era M? Nossa ganhei o dia né.

  E assim vai indo a vida, novas sensações, novos aprendizados e alguns mesmos problemas.

  Beijos fico por aqui.

Altos e baixos

 Voltei pessoal.

 Mais uma coisa que esqueci de falar no post anterior: YEssss eu tenho ossos! Pois é agora parece que os ossos estão querendo a dar sinal de vida no meu corpo.

 Essa semana eu consegui sentir que emagreci, porque a correntinha que minha cunhada me deu a um ano atrás já está me servindo, e porque algumas roupas da minha mãe, já me servem. Coitada ela está apavorada, porque como estou sem roupa, fico experimentando as roupas delas, e algumas blusas já mandei pro meu guarda roupa...hehhehe como é bom ter sócia. As calças ainda não me servem, mas eu espero.

 Essa semana também estou animada, tudo o que que como está me enchendo, antes não conseguia sentir-me saciada, essa semana já estou sentindo, e sem contar que estou comendo menos. Mas graças a Deus estou conseguindo comer frutas, bem devargazinho, mas estou comendo.

 Semana passada quase pirei, estava com muita vontade de comer coisas e até confesso que comi bastante, tipo estava até decepcionada, achando que tinha sido em vão a cirurgia, que eu era muito fraca mesmo, e que talvez a cirurgia tivesse dado errado, já que conseguia comer de tudo, mas parei e pensei: É assim mesmo, você sabia que seria assim, que o maior desafio é trabalhar a cabeça. E lá fui eu fazer alguma coisa pra melhorar isso. Fiz uma promessa de não comer porcariadas em meu serviço, e isso está me dando muito força, se quero experimentar alguma coisa eu simplesmente não experimento motivada pela promessa, também estou me adequando na hora de comer, antes queria comer 15:00hs mas quando dá 14:20hs me estômago tem fome, aí eu como nesse horário e depois demoro mais pra sentir ele reclamar. E assim vai indo, e sempre será assim, terá dias que sairei da linha e sei que me decepcionarei, mas sempre temos que recomeçar, sei que vou conseguir. E tenho que lutar pra isso, não engordarei novamente, juro que não, é uma questão de honra agora.

 Fico por aqui, beijos!

Cadê meus peitos?

Olá gente, como vai?

Hoje vou falar das mudanças que estão me ocorrendo. Primeira mudança que notei na primeira semana, meus peitos e bunda estão sumindo, eu mesmo gorda não tinha muito, mas era proporcional, porém agora estou ficando uma tábua, e olha que nem emagreci muito imagine quando eu atingir a meta, estarei uma tábua. Mas não estou reclamando não, apenas estou observando as mudanças.

Segunda mudança, quando estamos mais gordos nos acostumando a ter uma certa postura devido o peso, porém durante o emagrecimento continuo andando como gorda, na postura, estou andando envergada como se a barriga pesasse, mas a barriga já diminuiu, então minha mãe e meu amigo Carlos tem que ficar me lembrando de andar com postura, e isso é dificil. Quando vejo estou andando envergada.

Terceira mudança, antes odiava salada, agora se não tiver salada eu acho estranho, estou adorando comer saladas.

Coisas que continuam iguais, adoro comer ainda, tem gente que perde o prazer, mas eu não perdi, e se deixar consigo comer bastante, tenho que me controlar e isso me dá medo, não quero voltar a engordar nunca mais.

Ontem e anteontem estava sentindo uam fome incontrolável, já hoje foi tranquilo, nem consegui comer o que tinha que comer.

Mas estou tentando não ficar tão encanada e deixar as coisas acontecerem normal.

Uma das coisas mais legais que estou aprendendo após a gastro é a curtir a vida, eu sempre fui muito metódica, levava a vida muito a sério e não saia pra me divertir, e agora estou aproveitando cada oportunidade que tenho, aproveitando as companias dos amigos, estou amando muito tudo isso.

Sempre adorei minha liberdade e agora estou curtindo muito mais, estrou aprendendo a viver. E estou muito feliz.

Bom por hoje é só...bjs

  Olá pessoal, ando sumida né? Estou tentando resolver minha vida.

   Pois é se passaram 2 meses , e portanto vou falar sobre mais um mês. Esse mês meu emagrecimento simplesmente retardou, está devagar quase parando, e olha que não estou comendo bobagens e faço exercícios regularmente, se não caminho e pedalo na bicicleta ergométrica.

   Semana passada comi feijoada, e desceu legal, também comi um pedaço de pizza e também experimentei quentão, este por sinal fez efeito rápido, fiquei tonta.

  Mas durante a semana estou mantendo a dieta em ordem, nesse começo de mês quando passei para os sólidos tudo descia bem, porém de uns dias pra cá estou com intolerância para frutas, não tem jeito, banana, pêra, maçã, mexirica, nada desce. É só comer  depois de 10 minutos o estômago doe pra caramba, fico com salivação e por aí vai. Essa semana senti bastante dor no estômago e na cicatriz, graças a Deus hoje não doeu.

  Só tenho consulta com a nutricionista dia 22 de julho, portanto vou me pesar numa balança de farmácia mesmo.

  No começo dos sólidos senti bastante dificuldades, porque queria comer de tudo e a cabeça pirava, mas graças a Deus me controlei e estou aprendendo a selecionar o que como, só compro alimentos  que a nutricionista permitiu e no meu serviço estou me mantendo firme, e me senti super bem com isso.

   Após a gastro estou me sentindo muito mais confiante, estou iniciando minha vida socialmente e estou muito feliz com isso.

   Agora é continuar com adaptação e ir atrás das minhas metas.

                            Bjs Drica

50 dias

Oi como estão?

Eu vou bem, ontem passei com o médico, ele disse que estou muito bem, que estou emagrecendo o esperado, claro que pra mim não é, eu não estou comendo bobagens, faço exercícios ao menos 3x por semana e estou emagrecendo pouquissímo, mas enfim não estou encanada com isso não, estou feliz por estar bem fisicamente, melhor perder aos poucos do que se não tivesse operado e continuasse obesa e com doenças. E antes de operar a nutricionista tinha me dito que meu emagrecimento seria mais lento mesmo, porque eu já estava emagrecendo antes de operar.

Até ontem eu até estava pensando que estava no famoso platô, mas quando pesei eu vi que emagreci 2 kilos fiquei mais feliz.

Quanto a comida perguntei pro Dr. de quanto tempo eu deveria comer, ele disse que de 3 em 3 horas, mas eu disse que após duas horas meu estômago doía e eu tinha que comer, ele disse que tudo bem, mas hoje eu tentei esperar as 3 horas, e parece que está dando certo, então é isso.

Fico por aqui, beijos.

45 dias!

    Oi gente, como estão?

    Nossa como o tempo passa rápido, ainda ontem falatva 10 meses pra minha cirúrigia, e agora já se passou 45 dias pós.

    Terça-feira foi o dia que me descontrolei, explico: após 22:00hs eu já tinha comido biscoito de polvilho e mesmo assim a fome continuava, então o que fiz? Pensei comigo, " cabeça você quer comer? então você vai comer". Então fui lá e tomei leite com cereal, enfatizando que tinha acabado de comer biscoito. Após uns 15 minutos o estômago começou a pesar e pensei novamente: " Viu só? bem feito". Sério gente não sei se estou ficando louca ou se estou trabalhando com meu psicólogico hehehe. Enfim só sei que tentei vomitar, mas como nunca fui de vomitar não consegui, fiquei na cama passando mal até conseguir dormir.

    No outro dia acordei bem e fui caminhar e depois disso as noites ficaram mais ligth, tenho um pouquinho de fome ainda, mas está tudo sob controle. Mas acho que esse desajuste se deu ao fato da TPM também, mas agora só mês que vem...hehehe.

    Mas foi bom essa experiência porque minha cabeça entendeu que tem limites, coisa que eu não estava sentindo antes, não me pesei ainda mas acho que essa semana eu emagreci alguma coisa sim, terça tenho retorno com o cirurgião e me pesarei pra ver quanto emagreci.

    E a vida vai indo, essa semana estou um pouco decepcionada com algumas pessoas e com algumas situações, mas sei que Deus sempre esteve comigo e vai me ajudar a encontrar meu caminho e conseguir meus objetivos.

    Tenham um ótimo fim de semana...bjs

Dificuldades

 

 

 

   Oi gente, como estão?

   Pois é eu estou bem, mas estou enfrentando uma batalha entre eu,minha cabeça e meu estômago, muitos dizem que a dieta dos líquidos é difícil, mas no meu caso a pior fase é a sólida. Vejamos, na líquida você está recém operada e portanto obrigatóriamente você sabe que tem que ter todos os cuidados com sua alimentação e seguir tudo na risca; já na sólida, você está bem e quer comer de tudo, mas o problema é justamente esse.Você tem que seguir uma linha, você tem que mudar seus hábitos alimentares, tem pessoas que passam mal comendo, e com isso tomam mais cuidado com o que comem, e quem não passa mal com nada?

   Esse é meu caso, eu até agora não passei mal com nada, e com isso dá vontade de comer de tudo, ainda estou conseguindo me controlar bastante, mas o fato é a tal batalha na cabeça.

   Estou lutando muito pra ensinar minha cabeça que devo de vez abolir a má alimentação pra comer coisas mais saúdaveis, até porque quando operei eu sabia que seria assim, mas na prática tudo é mais difícil. Todo dia eu tenho que me afirmar o que devo ou não comer, o meu medo é de não me acostumar nesse comecinho, porque se não me acostumar agora, mais pra frente o risco de voltar a engordar é menor. Eu cortei a barriga, mexi nos meus orgãos e não quero que isso seja em vão. Mas a minha cabeça, essa é teimosa, até porque foram 22 anos agindo de um mesmo modo, e agora de um mês pra cá tudo muda, e tenho que ensinar e tenho que insistir, e tenho que lutar, e acreditem é uma luta mesmo. Todo dia,toda hora, geralmente o horário que mais me dá fome é de noite, de dia como o orientado pela nutricionista, mas de noite dá vontade de comer tudo, e tenho que me policiar porque se voltar agora sei que depois não conseguirei mudar. Então de noite me dá mais fome, tenho que comer algo a mais, e até como uma refeição a mais de noite, mas espero sempre dar o espaço de duas horas, e procuro comer uma coisa leve, mas a cabeça não se conteta e pede coisas mais pesadas mais sólidas, mas eu resisto e como coisas leves e se ela não se satisfaz vai dormir assim mesmo.

   Eu sei agora que não preciso comer porcariadas pra ser feliz, sei que é gostoso, mas sei que existe outros prazeres na vida, como comprar uma roupa bonita, andar sem se cansar. Não quero voltar a engordar por beleza, e sim porque penso na minha saúde, minha obesidade me prejudicou muito já e morro de medo de voltar tudo de novo.

   Eu me recuperei muito rápido, e talvez por isso minha cabeça seja tão abusada, mas eu vou domar ela, juro que vou.

   Precisava desabafar isso, mas agora estou melhor compartilhando isso, tenho forças cheguei até aqui e agora vou até o fim.

   Beijos fiquem com Deus e tenham uma ótima semana...

 

Parabéns pra mim!

   Olá pessoas, hoje é meu niver, e nesta data tenho muito o que comemorar, estou redescobrindo a vida e isso é muito bom pra mim. Esse ano em especial tenho um motivo a mais a comemorar, minha cirurgia, minha luta meu sonho realizado. Hoje minha mãe fez um bolo de saquinho diet, só pra comemorar, mas uma etapa nova da minha vida.

    Ontem finalmente fui na nutricionista, ela disse que eu alcancei a meta dos 10% do peso, aliás foi 11 %.  Ela disse que não quer que eu emagreça muito depressa, a meta é 4 kilos por mês, também me passou um suplemento chamado nutren active porque eu estava sentindo muita fraqueza, e realmente esse suplemento além de saciar ele dá mais disposição, eu tomo ele com leite. Ela também pediu que eu caminhasse menos, mas acho que isso não farei não, porque é melhor eu caminhar pra ficar menos flácida.Mês que vem tenho retorno com ela.

     Estou muito feliz com minha vida, tenho muitos projetos só peço a Deus a chance de poder realizá-los.

     E também gostaria de agradecer de todas as pessoas que contribuíram  para minha vitória, minha família, meus amigos, minhas queridas amigas da net da comunidade gastroplastia, pessoas que  ajudaram, me incentivaram, e que também rezarão por mim. Só tenho a agradecer e pedir a Deus muitas bênçãos pra vocês....beijos!

[ página principal ] [ ver mensagens anteriores ]



Meu Perfil
BRASIL, Sudeste, Mulher, de 20 a 25 anos
Visitante número: